Curvaturas da Coluna Vertebral normal e anormal

Uma queixa muito comum da grande maioria de pessoas é com respeito às dores nas costas e isso, acontece tanto em crianças como em adultos. Porém, o que muita gente não sabe é que podem existir algumas complicações que não apresentam sintomas mesmo com curvaturas.

Mas com respeito a essas dores, vamos agora falar um pouco das curvaturas da coluna vertebral e procurar esclarecer quais são normais e quais podem causar alguns danos por serem de formações anormais.

Tipos de Lordose na coluna

Chamamos de Lordose uma curvatura projetada para dentro que toda pessoa possui na coluna. Essa curvatura é voltada para dentro e se localiza na região lombar e cervical.

Essa curvatura é considera perfeitamente normal quando acontece entre os 20 e 40 graus na região cervical e entre 40 e 60 graus na região lombar.

Porém, quando existe uma curvatura reduzida chamamos de Hipolordose enquanto que quando existe um excesso na curvatura denominamos de Hiperlordose, ambos os casos que preocupam pois dessa forma, surgem os problemas na coluna.

Causas para aconteçam essas alterações anormais na curvatura da coluna:

  • Histórico genético – considerada a principal das causas dessa curvatura anormal,
  • Postura errada tanto com o corpo em repouso como quando em movimento,
  • Fraqueza muscular,
  • Sobrepeso.

Tipos de Cifose na Coluna

Denominamos de Cifose um dos tipos de curvaturas da coluna vertebral que acontece em excesso na coluna vertebral fazendo com que as costas apresentem uma forma arredondada muito além do normal. É importante lembrar que a curvatura na coluna é normal em todo ser humano, porém quando excede a 45 graus é considerada excessiva e precisará de tratamentos.

Possíveis causas da Cifose:

  • Má postura – o costume de curvar-se inclinando-se para trás em cadeiras ou carregar fardos pesados sobre os ombros, pode esticar os músculos e ligamentos de apoio aumentando a curvatura que causará a Cifose.
  • Formação anormal das vértebras – isso acontece quando as vértebras não se desenvolvem da forma correta, o que causará um deslocamento da posição correta.
  • Cifose Congênita – é o tipo de cifose que acontece ainda no útero materno quando uma falha no desenvolvimento da coluna vertebral pode causar a fusão de duas ou mais vértebras.
  • Idade – entre os transtornos que podem ocorrer com a idade avançada está o aumento na curvatura da coluna vertebral que ocorre gradativamente motivada pela má postura cultivada no decorrer dos anos.

Riscos maiores da Cifose

Em geral, uma pessoa com Cifose pode sentir muitos constrangimento devido a estética, mas quando essa curvatura é mais grave pode acontecer alguns sintomas como:

  • Dor persistente que não pode ser controlada com medicamentos,
  • Dormência ou fraqueza nos braços e nas pernas,
  • Dificuldades para respirar por conta da pressão que a curvatura impõe sobre os pulmões e vias respiratórias,
  • Problemas de equilíbrio.

Escoliose da Coluna

Denomina-se Escoliose uma curvatura que acontece na coluna vertebral que ocorre para a lateral direita ou esquerda podendo ocorrer também um movimento da vértebra.

A Escoliose é uma doença progressiva, motivo mais do que suficiente para buscar ajuda médica com urgência, pois quanto mais cedo for realizado o tratamento mais fácil será endireitar a coluna.

A Escoliose é classificada em três tipos, são eles:

  • Escoliose Congênita – nesse caso ela pode ser Funcional sendo facilmente reversível, pois ainda não atingiu a estrutura óssea, ou Estrutural quando a curvatura já atingiu as vértebras. Nesse caso, as causas mais comuns são de origem genética.
  • Escoliose Neuromuscular – nesse caso, as causas tem a ver com alguma doença neurológica que pode ser por conta de má formação congênita ou fragilidade muscular. Além disso, pode se originar de uma paralisia ou perda de controle dos músculos por conta de doenças crônicas.
  • Escoliose Idiopática – nesse caso da Escoliose, não existe nenhuma informação sobre as causas da doença.

Tratamento para Dores

Não existem medicamentos específicos para tratar dessas curvaturas da coluna vertebral e, por isso, são recomendados alguns tipos de analgésicos e anti-inflamatórios para resolver problemas menos complicados, mas quando se trata de situações mais complicadas, uma cirurgia da coluna pode ser necessária.

Entre os medicamentos recomendados pelos médicos estão:

  • Ibuprofeno – esse medicamento apresenta ação anti-inflamatória, analgésica e antipirética indicado para tratamentos de várias complicações de saúde com inflamação, inclusive aquelas complicações relacionadas ao sistema músculo-esquelético.
  • Paracetamol – Paracetamol é uma das opções em analgésico recomendado para combater as dores causadas pelas inflamações no sistema músculo-esquelético.
  • Dipirona Sódica – mais uma opção em analgésico que também tem ação antipirética com ação rápida para combater os sintomas causados pelas curvaturas na coluna vertebral.

Sessões de Fisioterapia

Em casos de curvaturas mais leves na coluna, sem muita gravidade, além dos analgésicos e anti-inflamatórios que o médico poderá recomendar, também será muito útil as sessões de fisioterapia, isso quando se trata de pacientes adultos.

Já no caso das crianças, temos a opção dos coletes que são indicados para crianças em crescimento que apresentem curvaturas de no máximo 45 graus.

Quando a cirurgia é a solução:

A cirurgia da coluna é recomendada para pacientes adolescentes e adultos com uma curvatura acima de 50 graus. Além disso, mesmo em situações não tão graves, mas que provoquem uma diminuição na auto-estima do paciente ou com a presença de outros sintomas que provocam maiores dificuldades, a cirurgia também será recomendada.

Com a cirurgia, a intenção será corrigir a deformidade e evitar a progressão. Para alcançar esses benefícios, são feitos implantes de metal na coluna que ficam presos as hastes mantendo a coluna bem posicionada até que as vértebras se fundam umas nas outras formando um bloco único no osso.

 

 

Leia também:

Pomada cicatrizante pós cirurgia conheça as melhores


Redução de Mama pelo SUS (pela rede pública), saiba mais


Remédio antiinflamatório para Nervo Ciático Inflamado ( Tratamento indicado )


Algarismos Romanos de 1 a 1000, amplie os seus conhecimentos


Cirurgia para Prótese de Quadril solução para dores