Jejum Intermitente Dicas, Fazendo, e Perdendo Peso

Em busca do peso ideal, muita gente hoje é capaz de fazer qualquer sacrifício para perder peso. Porém, não basta tomar medicamentos ou então fazer algum tipo de dieta, é preciso que se faça uma reeducação alimentar e uma melhora no estilo de vida.

Mas para aqueles que estão em busca de uma dieta diferente para emagrecer e ter mais saúde, a moda agora é o Jejum Intermitente, uma dieta que está ajudando muita gente a emagrecer enquanto recupera a saúde de todo o organismo.

O que é

Explicando em poucas palavras, o Jejum intermitente é uma dieta para emagrecer caracterizada por períodos de jejum intercalados com período de alimentação. Com isso, o corpo se obriga a utilizar os estoques de gordura no organismo para ser transformada em energia diminuindo então a gordura corporal.

Em geral esse tipo de dieta é feita entre 10 e 24 horas e ainda podemos escolher entre fazer todos os dias ou optar por alguns dias da semana apenas.

Normalmente são indicadas entre 10 a 24 horas de jejum, que pode ser feito diariamente ou em alguns dias da semana. O período da dieta em que é permitido a alimentação é chamado de “Janela Aberta”, quando é permitido ingerir proteínas com pouca gordura, legumes, cereais integrais, frutas em bom estado de conservação com casca e tubérculos.

As refeições devem ser moderadas e nunca se deve compensar o tempo que passou sem se alimentar.

Fora do período da “Janela Aberta”, só é permitido ingerir água pura, chás sem açúcar e até mesmo o café, também sem açúcar.

Quanto Perco de Peso

Não é possível afirmar com certeza o quanto de peso é possível perder com esse tipo de dieta, mesmo porquê, é preciso levar em consideração o tempo escolhido para esse jejum e os cuidados que o indivíduo vai ter para não errar nessa dieta.

Para se ter uma noção do quanto se pode perder de peso, existem relatos de pessoas que perderam até 10 kg em 3 meses de dieta, mas voltamos a lembrar que isso é bastante relativo.

Outras vantagens que esse tipo de dieta pode oferecer – além de favorecer a perda de peso, essa dieta pode oferecer:

  • Maior disposição devido a desintoxicação que a dieta pode proporcionar
  • Clareza mental
  • Controle da glicemia e da insulina.
  • Melhor desempenho do aparelho digestivo
  • Sensação de leveza e bem estar geral.

 

Como fazer

Primeiramente será preciso preparar o organismo e, nesse caso, o corpo vai ter que se adaptar a receber menos carboidratos e menos açúcar. Planeje-se para começar esse preparo pelo menos 5 dias antes de começar de fato a dieta deixando os carboidratos de lado e também o açúcar do famoso cafezinho.

Em geral, opta-se por um jejum de 16 horas, pois com isso, sobram 8 horas para a alimentação. Para quem desejar uma dica, melhor nesse caso, é almoçar e jantar dentro das 8 horas da “Janela Aberta”.

O segredo para se sair bem nessa dieta é comer com moderação se policiando nos alimentos que de fato podem ser ingeridos. Depois de algum tempo, isso vai se tornar normal na vida e nem será preciso fazer tanto esforço.

Reflita nessa dica para um jejum de 16 horas

Se vamos dormir apenas as 23:00 horas para acordar as 7:00 horas da manhã, já temos 8 horas de jejum. Com isso, fica mais fácil fazer o regime, basta fazermos uma refeição as 19:00 horas que será bem salutar e depois disso, se alimentar novamente a partir das 11:00 horas da manhã.

Alimentos para Após o Jejum

Infelizmente, muita gente peca quando se decide por uma dieta para emagrecer, pois enquanto a dieta está acontecendo, cuidam estritamente da alimentação.

Porém, quando o período da dieta acaba, tudo volta ao que era antes, com uma alimentação farta e geralmente sem nutrientes algum e, como resultado, aquele sucesso alcançado é jogado no lixo, pois o problema dos quilinhos a mais, volta a acontecer.

Durante o período escolhido para a dieta do Jejum Intermitente, qualquer pessoa tem condições de acostumar o organismo a receber alimentos saudáveis apenas com uma reeducação alimentar. Depois da dieta, é só continuar cuidando com essa alimentação, lembrando que para uma vida saudável e feliz, não importa a quantidade de alimentos que ingerimos mas sim, a qualidade desses alimentos.

O que é permitido durante

Durante a dieta, no período em que a alimentação é permitida, precisamos optar por alimentos que aumentem a saciedade, pois quanto menos comer,melhores serão os resultados, desde que os nutrientes no organismo não faltem.

Alimentos com pouca gordura, legumes, frutas preferencialmente com casca, cereais integrais como a aveia, lentilhas, arroz integral, gergelim, e tubérculos como a batata-doce assada, mandioca, inhame, são sempre as opções recomendadas.

Também é muito importante não esquecer que é preciso ingerir muita água durante o dia, pois ela, além de disfarçar a vontade de se alimentar, também vai hidratar o corpo e deixar a pessoa mais animada.

Para o bem da saúde e da dieta para emagrecer, alimentos industrializados como as massas refinadas, arroz branco, doces, refrigerantes e lanches rápidos, devem ser abolidos do cardápio.

Atenção – Para que essa dieta do jejum não se torne um aborrecimento em sua vida, não alimente a ideia de que no período permitido para se alimentar você vai poder “tirar o atrasado” e se alimentar exageradamente.

Leia também:

Jejum Intermitente, Como fazer, Será que Emagrece (Dicas)


Dieta da Usp Cardápio Promete Emagrecimento Saudável


Conheça a Dieta da Sopa E seus Benefícios no Emagrecimento


Dieta Da Proteína Como Fazer, CARDÁPIO


Dieta do Ovo Cozido Aprenda fazer e emagrecer